Tempo de espera no Pronto Socorro:

Convênio

00:35

SUS

00:52

Pediatria

00:00

Tempo aproximado para atendimento médico de pacientes em condição não emergencial.

Ajude a cuidar

Todos os campos são obrigatórios.

Fechar Formulário
Imagem Noticia

IFSP entrega mais 300 protetores faciais para Santa Casa

Responsabilidade social. Solidariedade. União. São algumas das características do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia São Paulo (IFSP) Câmpus Votuporanga. Com a pandemia do Coronavírus (COVID-19), a escola ministrou uma das aulas mais importantes: o senso de comunidade e de empatia.

Nesta semana, o pesquisador e professor Cleiton Lazaro Fazolo de Assis entregou mais 300 protetores faciais para a Santa Casa de Votuporanga, referência para toda a região. Esta é a segunda remessa para o Hospital, colaborando no combate ao novo vírus e na segurança dos profissionais de saúde. A primeira doação, de 200 itens, foi confeccionada exclusivamente pelo Núcleo de Pesquisa e Ensino em Microfabricação (NUPEM).

Desta vez, o NUPEM contou com a parceria com a Universidade Federal do ABC (UFABC) e com a Unicamp. “Essas 300 peças foram fabricadas por injeção de plástico em molde metálico. Tivemos dificuldades em conseguir o PVC para a viseira transparente, mas a reitoria do IFSP comprou o material”, contou o professor Cleiton.

A força-tarefa não parou por aí. “Os alunos do grupo de pesquisa e alguns servidores do Instituto nos auxiliaram na montagem e embalagem dos equipamentos de proteção individual (EPIs). Fizemos uma vaquinha entre nós mesmos para adquirir os elásticos que sustentam os protetores. Esse esforço e a ajuda de nossos parceiros institucionais tornaram essa contribuição uma realidade”, complementou.

O professor ressaltou a importância do projeto. “O meu sentimento, e também o de toda a equipe, é saber que conseguimos colaborar com a sociedade e, de alguma forma, proteger aqueles que estão na linha de frente do combate à essa pandemia. Unimos conhecimentos e forças em prol de uma causa importante e sentimos muito orgulho por isso”, afirmou Cleiton.

A unidade já confeccionou 5.266 protetores, inclusive para Iturama e Aparecida do Taboado. O diretor-geral do Câmpus Votuporanga, Marcos Amorielle Furini, explicou sobre a iniciativa. “Em todo o Estado de São Paulo, estamos desde março com diversas ações, produzindo protetores faciais, álcool em gel, máscaras de TNT, além de reparação e conserto de respiradores, válvulas e itens hospitalares. Quando as aulas estavam suspensas, as atividades de ensino, pesquisa e extensão se dedicavam a auxiliar as entidades, iniciativa que permanece até hoje mesmo com o retorno do cronograma letivo”, disse.

O provedor da Santa Casa de Votuporanga, Luiz Fernando Góes Liévana, agradeceu o IFSP. “É um grande parceiro. A pandemia nos aproximou ainda mais, evidenciando os projetos do bem e que visam colaborar com a comunidade. Agradecemos imensamente em nome de todos os profissionais da linha de frente, que ficarão protegidos e seguros com os equipamentos”, finalizou.